Postagens

Mostrando postagens de Junho 10, 2012

Padres pedófilos surgem na pista do desaparecimento de duas menores

Imagem
por Wálter Fanganiello Maierovitch para portal Terra

Crime perfeito, no popular, é aquele sem identificação da autoria. Com efeito, há 29 anos desaparecia Emanuela Orlandi (foto), de 15 anos e filha de um dos servidores do papa Wojtyla. No momento, os magistrados do Ministério Público italiano exploram dois novos filões investigativos do chamado Vaticano Connection.

Emanuela tinha cidadania e residia com os pais no Vaticano. O papa João Paulo II, sensibilizado, fez vários apelos pela sua libertação. Ela desapareceu em 22 de junho de 1983. Tímida, recatada e flautista, Emanuela foi sequestrada na saída da escola de música junto à Basílica-menor de Santo Apolinário, no centro-histórico de Roma.

A propósito, recentemente descobriu-se que na cripta dessa basílica estava sepultado o sanguinário Enrico de Pedis, apelidado Renatino, um dos chefões da Banda della Magliana, organização criminosa romana de matriz mafiosa.

Em maio último, o caixão de Renatino, assassinado em 2 de fevereiro de 19…